DELFINÓPOLIS/MG E SUA HISTÓRIA

DELFINÓPOLIS/MG

Delfinópolis é um município brasileiro do sudoeste do estado de Minas Gerais. Situada a 401 quilômetros de Belo Horizonte, e se estende numa área total de 1.171 km² elevada a 689 metros de altitude na sede municipal. Sua população é de cerca de 8 mil habitantes (metade na zona urbana).
Em seus limites há grandes propriedades rurais, que utilizam sua terras para a agropecuária. Apesar de pequeno esse município é aprazível e bastante calmo.

Um município que nasceu no início de século XVIII,  quando Dona Violanta Luzia de São José,  realizou a doação de 288 Hectares de terras virgens, localizadas à margem esquerda do Ribeirão Forquilha, para patrimônio de uma capela a ser levantada em honra do Divino Espírito Santo. 


Assim  nasceu o povoado denominado Espírito Santo da Forquilha, nome que tomou em homenagem ao padroeiro local e em face do ribeirão citado. 
A denominação de forquilha foi devida ao fato de o referido ribeirão, em sua confluência, realizar uma volta, em tudo parecida a uma forquilha. 
Uma região compreendida entre os ribeirões Extrema, Forquilha, Engano e o Rio Santo Antônio, localizada na margem direita do Rio Grande, constituía 3 sesmarias concedidas a Ambrósio Gonçalves Pacheco. 

Presume-se que a região tenha sido habitada por indígenas das tribos Tupiniquins e Carijós,  devido a peças indígenas, domésticas e de guerra, encontradas ainda até bem pouco tempo nos arredores do lugar denominado " Ponte do Surubi", onde se acredita ter sido o local exato em que os mesmos tiveram seus acampamentos. 
Há vestígios da passagem de bandeirantes por aquelas bandas, notadamente perto da Cachoeira do Santo Antônio onde escavações profundas e antigas e o deslocamento de enormes pedras testemunham a presença de civilizados. 
Sabe-se que os primeiros habitantes do povoado foram, dentre outros, João Marques, Joaquim de Almeida e Justiniano de tal, de sobrenome desconhecido. 
Estes foram os primeiros residentes. 
Posteriormente, em 1871, Antônio Rodrigues descobriu terrenos auríferos no Rio Santo Antônio e veio desse fato um progresso mais acelerado para o povoado, que no mesmo ano passou a distrito, do município de Santa Rita de Cássia. 
Em 1919, o seu topônimo foi modificado para Delfinópolis, em homenagem ao então governador do estado, Delfim Moreira da Costa Ribeiro. 
Em 1938, foi elevado à categoria de município, tendo ficado sob subordinação política da Comarca de Cássia. 
Delfinópolis possui grandes propriedades rurais que são utilizadas desde a fundação para desenvolver a agropecuária.
As atividades econômicas que destacam são o cultivo do café, milho, leite e criação de gado bovino.
O asfalto facilitou o deslocamento à cidades vizinhas, trazendo mudanças significativas nos aspectos cultural, social e político, atraindo e possibilitando o aceso de turistas para conhecer nossa maior riqueza, a natureza. Este fato, trouxe para a cidade uma nova forma de ganhar dinheiro, a exploração do turismo, criando várias pousada urbanas e rurais.
Ponte do SURUBIM, que foi levada juntamente com nossas terras fertéis, para a produção de energia,  com a ponte foi levada nosso direito de ir e vir, garantido na constituição Federal, impedindo Delfinópolis de ter acesso ao progresso, dificultando todos os demais direitos, educação, saúde, emprego, nos deixando ilhados, com acesso por uma balsa que está em uso há 30 anos.
Atualmente Delfinópolis é uma cidade turística, que mantém atividades de agropecuária, e o café foi substituído pela cana-de-açúcar e banana.

Gentílico: Delfinopolitano.
Fonte: Arquivos da Agência do IBGE de Passos/MG Prefeitura Municipal de Delfinópolis.
Autor do Histórico: LUIZ FLÁVIO LEMOS



Símbolos



Brasão do Município






BANDEIRA DE DELFINÓPOLIS-MG



Hino a Delfinópolis

Letra e Poesia: Pe. Ildeu Pinto Coelho
Música e arranjos: Pe. Lucas de Paula Almeida                                                                                                            
                                                                                                                      1) Dever de filhos celebrar a história                                                            Do povo desta terra tão querida,
Lembrar os fatos, reviver a glória!
do Sudoeste surge a preferida.
Pequena ou grande, pouco importa para nós ...
Querida, escuta a nossa voz!

Refrão: Delfinópolis,
Terra mui gentil,
Cedo ergueste firme a tua voz!
Vives do suor
Destes filhos teus
Incansáveis: Eis o teu brasão;
Teu santo protetor
Invocas com fervor,
Caminhas sob a luz do amor!
Avanças com ardor
Mostrando o seu amor
Confias no amanhã feliz!                                                                                                                                                                                                    
2) As terras cultivadas com amor,
Rebanhos povoando a solidão ...
Aos bravos lavradores o louvor,
De todos a eterna gratidão!
Torrão abençoado pelas plantações
Do milho e do café, seus dons

Refrão: Delfinópolis,
Terra mui gentil,
Cedo ergueste firme a tua voz!
Vives do suor
Destes filhos teus
Incansáveis: Eis o teu brasão;
Teu santo protetor
Invocas com fervor,
Caminhas sob a luz do amor!
Avanças com ardor
Mostrando o seu amor
Confias no amanhã feliz!    
                                                                                                                      3) Bramido da tua bela cachoeira,
Do Claro a placidez de tua areia,
A Ilha da Esperança: que surpresa ...
Banhadas pelas águas da represa,
Teus verdejantes campos sempre a florir,
Teus montes guardam o teu porvir!

Refrão: Delfinópolis,
Terra mui gentil,
Cedo ergueste firme a tua voz!
Vives do suór
Destes filhos teus
Incansáveis: Eis o teu brasão;
Teu santo protetor
Invocas com fervor,
Caminhas sob a luz do amor!
Avanças com ardor
Mostrando o seu amor
Confias no amanhã feliz!


PRAÇA MANOEL LEITE LEMOS


Um lugar encantador, verdadeiro cartão postal de nossa cidade, recebeu este nome em homenagem ao homem que encabeçou a emancipação de Delfinópolis, “Manoel Leite Lemos”, juntamente com oito cidadãos de Delfinópolis. Na época ainda distrito de Santa Rita de Cássia, tendo como governador de estado Dr. Benedito Valadares Ribeiro declarou nossa Cidade emancipada no dia 17 de Dezembro de 1938.
Diante dessa conquista histórica, Manoel Leite Lemos foi escolhido o primeiro prefeito de Delfinópolis, filiado no PSD e posteriormente no PN, político atuante durante toda sua vida, trabalhando sempre em prol de benefícios para Delfinópolis.
No mandato do prefeito Fernando José Pinto, a Praça central, recebeu o nome de “PRAÇA MANOEL LEITE LEMOS”.
É na praça que esta localizada a Câmara Municipal de Delfinópolis, onde os vereadores, prefeito e a população se reúnem para aprovação de projetos e Leis que beneficiam a população.
A Prefeitura municipal de Delfinópolis, também está localizada na Praça Manoel Leite Lemos, Nº115, onde trabalham o prefeito e vários funcionários públicos.



Foram prefeitos de Delfinópolis:
1.   1939 a 1946- Manoel Leite Lemos
2.   Janeiro a Março de 1947- José Leite Sobrinho
3.   1947 a 1948 José Chrisóstomo de Castro
4.   1948 a 1951 - Lafayete Soares
5.   Julho a Dezembro de 1948  -  José Honório da Silva
6.   1951 a 1955 - Nilo Paim
7.   1955 a 1959 - Salim Abrahão Pedro
8.   Junho a julho de 1958 – Francisco de Melo Lemos
9.   Fevereiro de 1967 a setembro de 1967 - Adair Lemos
10.               Setembro de 1967 a janeiro 1971- Geraldo Magela de Andrade
11.               1971 a 1973 – Messias Marcelino Lopes
12.               1973 a 1977 – Elpidio Rodrigues Pinto
13.               1977 a 1982 - Sebastião de Andrade
14.               1982 a 1988 - Dr. Fernando José Pinto
15.               1993 a 1996 -Dr. Fernando José Pinto
16.               1997 a 2000- José Geraldo Franco Martins
17.               2001 a 2004 - 2001 Dr. Fernando José Pinto
18.               2005 a 2007 – Pedro Paulo Pinto
19.               2008 a 2011 – José Geraldo Franco Martins
20.               2012 a 2016 -  Pedro Paulo Pinto
21.       2017 a 2020 - Fernando José Pinto
22.      09/2017 a 2020 - Suely Alves Ferreira Lemos

ESCOLA MUNICIPAL CÔNEGO MARINHO



 ESCOLA MUNICIPAL CÔNEGO MARINHO

A Escola Municipal Cônego Marinho foi construída em 1938 pelo Estado de Minas Gerais, sendo o Presidente da República do Brasil Dr. Getúlio Dornelles Vargas; e Governador do Estado de Minas Gerais Dr. Benedito Valladares Ribeiro; Secretário de Viação e Obras Públicas Dr. Odilon Dias Pereira e Secretário de Educação e Saúde Dr. Christiano Monteiro Machado.

Funcionava neste local as Escolas Reunidas do Município, em 20 de Julho de 1946 iniciou o funcionamento do Grupo escolar.
O Sr Luiz Viana, superintendente do 2º Departamento de Ensino Primário enviou um telegrama para o estabelecimento com o comunicado de autorização de funcionamento.
No ano de 1974 recebeu o nome de Grupo Escolar “Cônego Marinho” em homenagem ao Cônego que na época era professor neste estabelecimento. De acordo com a Resolução nº 810/74 – Parágrafo 2º/Artigo 2º do Decreto nº 16.244 de 08/05/1974, passou a ser denominada Escola Estadual “Cônego Marinho” de 1º grau. Funcionou também o curso regular de suplência.

A municipalização aconteceu em 1994, quando o grupo escolar, ou ensino fundamental de 1ª a 4ª série passou a ser responsabilidade do governo municipal e não estadual.
A Resolução nº 8877/98 de 17 de fevereiro de 1998, autoriza a municipalização dessa escola, embasada na Lei Municipal nº 1.400 de 16 de dezembro de 1997. Passando a ter a seguinte denominação: Escola Municipal “Cônego Marinho”, de Ensino Fundamental de 1ª a 4ª série. De acordo com a Resolução SEE nº 1086/2008 passa a ser Escola Municipal “Cônego Marinho” de Ensino Fundamental de 1º ao 5º ano.
Foram Diretoras desta escola:

1.           Laura Mandin,
2.           Dinorá de Almeida Leite, 
3.           Ruth Vasconcelos de Melo,
4.           Elir do Carmo Venâncio,
5.           Conceição Fernandes Leite,
6.           Elir do Carmo Venâncio,
7.           Nancy Leal de Castro,
8.           Enilda Lemos Pinto,
9.           Darcy Oliveira de Abreu Castro,
10.        Maria de Fatima Andrade Rosa, 
11.        Ana Lúcia Alves Ferreira,
12.        Maria Martha Lopes da Silva,
13.        Denisia Ferreira Leite,
14.        Mathilde dos Reis Castro,
15.        Suely Alves Ferreira Lemos,
16.        Leci Maria de Medeiro Castro,
17.        Magna Aparecida de Lima,
18.        Mirian Gibelli Rizzuto Lemos,
19.        Rosa Maria Rossini Pinto,
20.        Maria Lúcia Cintra Machado,
21.        Cibele Leite Lemos,
22.        Milza Ferreira Lemos Belin,
23.        Vanusa Aparecida Ferreira Itokazu
24.        Milza Ferreira Lemos Belin.


Bibliografia:

SOBRINHO, L. José, Minha Terra tem História. Editora São Paulo, 2004.






Fotos da Escola Municipal Cônego Marinho



TELEFONES ÚTEIS DE DE LFINÓPOLIS
Câmara Municipal de Delfinópolis  Fone:(35) 3525-1676
Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos  Fone:(35) 3525-1162
Emater MG Fone:(35) 3525-1144
Hospital Municipal Fone:(35) 3525-1122
PSF Bela Vista Fone:(35) 3525-1813
PSF Santo Antônio: Fone:(35) 3525-1663
Polícia Militar do Estado de Minas Gerais Fone:(35) 3525-1030 ou PABX - 190
Delegacia da Polícia Civil Fone:(35) 3525-1666
Banco Sicoob / Saromcredi  Fone:(35) 3525-1600
 Escola Estadual Professora Neiva Maria Leite Fone:(35) 3525-1040
 Escola Municipal Cônego Marinho Fone:(35) 3525-1044
 Escola Municipal Lourdes Aparecida da Silva Fone:(35) 3525-2173
HOSPEDAGEM URBANA
el Estância Girassol
Rodovia do Porto, km 8
Telefone: (35) 3525-1204
Site: www.girassolserradacanastra.com.br
E-mail: vendas@estanciagirassol.com.br
Hotel JP
Rua Antônio Lopes Filho, n.º 35 - Centro
Telefone: (35) 3525-1616 / 3525-1428 / 9961-2059
Site: www.jphotel.com.br
E-mail: jphotel@jphotel,com.br
Hotel Skalla
Av. Ivo Soares Matos – Pe., n.º 952 - Centro
Telefone: (35) 3525-1244
Site: www.skallahotel.com.br
Pousada Água & Sol
Av. Antenor Pereira de Moraes, n.º 46 - Centro
Telefone: (35) 3525-1244 / 9948-1086
Site: www.pousadaaguaesol.com.br
E-mail: reservas@pousadaaguaesol.com.br
Pousada Casarão
Praça Dr. Lafaiete, n.º 62 - Centro
Telefone: (35) 35251058 / 9975-7335 / 9965-1058
Site: www.casaraopousada.com
E-mail: casaraoalopes@hotmail.com
Pousada da Lua
Av. Antenor Pereira de Morais, n.º 509 – São Gregório
Telefone: (35) 3525-1775 / 9975-7335
Site: www.pousadadalua.tur.br
E-mail: contato@pousadadalua.tur.br
Pousada das Flores
Rua das Flores, n.º 192 - Centro
Telefone: (35) 3525-1250
Pousada do Netto I e II
Av. Ivo Soares Matos  – Pe., n.º 1117 - Centro
Telefone: (35) 3525-1429
Site: www.pousadadonetto.com.br
E-mail: nettopousada2@hotmail.com
Pousada e Camping Trilha de Minas
Rua Agenor Pedroso, 263
Telefone: (35) 9955-7463
Site: www.pousadatrilhademinas.com.br
E-mail: contato@pousadatrilhasdeminas.com.br
Pousada Jardim da Serra
Rua das Flores, n.º 184 - Centro
Telefone: (35) 3525-1256
Site: www.pousadajardimdaserra.com.br
E-mail: verri@pousadajardimdaserra.com.br
Pousada Lobo Guará
Rua: Torquato José de Almeida, n.º 991 - Centro
Telefone: (35) 3525-1841
Pousada Mariana
Av. Antenor Pereira de Morais, n.º 540 - Centro
Telefone: (35) 3525-1214
Pousada Recanto do Sol
Av. Dr. Antônio Pinto, 202 - Centro
Telefone: (35) 3525-1468 / 9959-6976
Pousada Rio Grande
Av. Torquato José de Almeida, n.º 790 - Centro
Telefone: (35) 3525-1073 / Fax: 3525-1124
Site: www.pousadariogrande.com.br
E-mail: reservas@pousadariogrande.com.br
Pousada Rosa dos Ventos
Rua das Flores, n.º 154 - Centro
Telefone: (35) 3525-1358 / 9802-1247
Site: www.rosadosventos.com.br
E-mail: reserva@rossadosventos.com.br
Pousada Serra da Canastra
Telefone: (35) 3525-1556 / 9905-7463
Site: www.popusadaserradacanastra.tur.br
E-mail: reserva@tur.br
Pousada Serra Preta
Rua Maria Kafruni de Oliveira, 155 - Centro
Telefone: (35) 3525-1088 / 8441-4769 / 9709-9278
Floan Pousada e Restaurante.
Rua Pedro Jose Venancio de Andrade 922. B: Centro.
Telefone: (16)991339617(whatsap)
                (35)997446545
                (35) 3525 1043 falar com Renata ou Keller.


               
HOSPEDAGEM RURAL
Pousada e Camping Claro
Zona Rural – Distância 6 km
Telefone: (35) 3525-1051
Site: www.campingcasadepedra.com.br
Pousada e Camping Serro Alegre
Zona rural – Distancia 3 km
Telefone: (35) 3525-1254
Site: www.delfinopoliscanastra.com.br
Pousada Águas de Santo Antônio
Zona Rural – Distância 34 km
Telefone: (35) 3525-2001 / 9142-2138
Site: www.aguasdesantoantonio.com.br
Pousada Babilônia
Zona Rural – Distância 74 km
Telefone: (35) 3526-2152 / 9981-0122
Site: www.pousadababilonia.com.br
Pousada Boa Esperança
Zona Rural – Distância 70 km (Vale da Babilônia)
Telefone: (35) 3524-1426
Pousada Cachoeira Paraíso
Zona Rural – Distância 9 km
Telefone: (35) 3525-1629 / 9848-5117 / 9840-0088
Site: www.pousadacachoeiraparaiso.com
E-mail: faleconosco@pousadacachoeiraparaiso.com
Pousada da Vanda
Zona Rural – Distância 90 km (Vale da Babilônia)
Telefone: (35) 9997-0057
Pousada Jaú
Zona Rural - Distância 42 km
Telefone: (35) 3522-2757
Site: www.pousadafazendajau.com.br
Pousada Lago Azul
Zona Rural - Distância 05 km
Telefone: (35) 3525-1565 / 9981-0502
Site: www.pousadalagoazul.kit.net
Pousada Mata do Engenho
Zona Rural - Distância 60 km (Vale da Babilônia)
Telefone: (35) 3524-1965
Pousada Parada dos Lagos
Zona Rural - Distância 42 km
Telefone: (35) 3521-6238 / 9981-4005
Site: www.pousadaparadadoslagos.com
Pousada Recanto do Cristo
Zona Rural - Distância 85 km (Vale da Babilônia)
Telefone: (35) 9935-7880
Pousada Samarina
Zona Rural - Distância 8 km
Telefone: (35) 3525-1484 / (16) 3629-5661
Site: www.pousadasamarina.com.br
E-mail: reserva@pousadasamarina.com.br
Pousada Varanda
Rua Cristiano Joaquim Lemos, n.º 495
Distância 22 km (Distrito de Olhos D’Água da Canastra)
Telefone: (35) 3525-3087
Pousada Vale do Céu
Zona Rural - Distância 80 km (Vale da Babilônia)
Telefone: (35) 3524-1086
Site: www.valedoceu.tur.br
E-mail: valedoceu@ig.com.br
Cachoeira do Ouro
Vale da Gurita, 37910-000 Delfinópolis, Minas Gerais, Brazil
Telefone: (35) 99834-5193
Pousada do Cafundó
Telefone:16-99995 0800 CTBC
    16-991721908 Claro
 Falar com Tiago acesso para Cachoeira do Melado e Cachoeira do Cafundó.
Vale da Gurita, 37910-000 Delfinópolis, Minas Gerais, Brazil
Pousada Bica D’Água
Rua Antônio Lopes Filho, s/n.º - Bairro José Honório da Silva
Telefone: (35) 3525-1297 / 9880-8870
Pousada Casa do Campo (Edson)
Zona Rural - Rodovia Ecológica, Km 3
Telefone: (35) 8458-0012
Site: www.pousadadocampo.com.br
Pousada Chalé Coronha
Zona Rural – Distancia 5 km
Telefone: (35) 9997-3459 (Pedrinho)
Pousada Coronha
Zona Rural – Distancia 5 km
Telefone: (35) 9848-5117 (Veny)
Pousada Encantos do Cerrado
Zona Rural – Perto do Ézio
Telefone: (35) 9995-7131 (Rita)
Camping Urbano Vila
Telefone: (35) 3525-1054
Pousada Mirante do Cerrado
Trevo à esquerda 2,5 km - Placa Circuito do Mirante
Telefone: (35) 9942-9645 (Julio) / (16) 9135-1886 (Marcelo)
Pousada &Camp; Camping Panela de Ferro
Distância 5 km Estrada Mata
Telefone: (35) 3525-1026 / 9876-1036
Pousada Carretão - Serra da Canastra
Telefone (37) 3371-9023
Whatsapp (35) 98804-1257
Facebook e Instagran: Pousada Carretão





ALIMENTAÇÃO

Bar e Restaurante Original
Rua: Pedro José Venâncio de Andrade, n.º 795 - Centro
Telefone: (35) 3525-1718

Center Pizza
Rua: Pedro José Venâncio de Andrade, n.º 795 (Sala 11) - Centro
Telefone: (35) 3525-1609

Choperia Golden Beer – Posto Petro Gold
Rodovia do Coração (Porto) km 8
Telefone: (35) 8438-8150

Creperia Capim Estrela
Rua das Flores, n.º 154 - Centro
Telefone: (35) 3525-1358

Lanchonete Canastra
Praça Manoel Leite Lemos, n.º 170 - Centro
Telefone: (35) 9972-8586

Lanchonete e Padaria do Juninho
Praça Manoel Leite Lemos, s/n.º - Centro
Telefone: (35) 3525-1060

Lanchonete e Sorveteria Skalla
Av. Padre Ivo Soares de Matos, n.º 951 - Centro
Telefone: (35) 3525-1244
Lanchonete Gabata Real

Rua Tomaz Novelino, n.º 1071 - Centro
Telefone: (35) 3525-1755
Lanchonete Sabor Eterno
Rua: Pedro José Venâncio de Andrade, n.º 777 – Centro

Galeria Center Ville
Telefone: (35) 3525-1839
Pastelaria do Luizinho

Praça Manoel Leite Lemos, n.º 81 - Centro
Telefone: (35) 9928-8065

Panificadora Lima
Rua Tomaz Novelino, n.º 206 - Centro
Telefone: (35) 3525-1328

Restaurante Simões
Praça Lafayete Soares, n.º 152 - Centro
Telefone: (35) 3525-1251

Restaurante Tempero Mineiro
Rua Torquato José de Almeida, n.º 865 - Centro
Telefone: (35) 3525-1242

Zona Rural

Bar e Lanchonete do Kingão
Rotatória Delfinópolis / Cachoeiras
Telefone: (35) 8415-7012

Restaurante Dona Doca
Distância-25km
Telefone: (35)9.9959.8968


Telefone Fixo: (35)9.96706919

Restaurante da Vanda
Distância – 90 km (pela região da Babilônia)
Telefone: (35) 9991-0057

Restaurante do Zé Gurita
Distância – 22 km – Distrito de Olhos D’Água da Canastra
Telefone: (35) 3525-3033
Obs.: Com agendamento

PROPRIEDADES QUE OFERECEM ALIMENTAÇÃO E POSSUEM CACHOEIRAS

Cachoeira Claro – Casa de Pedra
Distância – 6 km
Telefone: (35) 3525-1051
Obs.: Apenas em feriados

Cachoeira do Luquinha – Pousada Águas de Santo Antônio
Distância – 34 km
Telefone: (35) 3525-2001

Cachoeiras do Vale do Céu
Distância – 80 km – Região da Babilônia
Telefone: (35) 3524-1086

Cachoeira do Ouro
Distância – 35k m – Região da Gurita
Telefone: (35) 3525-1414 (recado)

Cachoeira Maria Augusta – Mato do Engenho
Distância – 60 km – Região Babilônia
Telefone: (35) 3524-1965

Cachoeira Paraíso
Distância – 7,5 km – Zona Rural
Telefone: (35) 3525-1629

Prefeitura Municipal de Delfinópolis-MGPraça Manoel Leite Lemos, 115  - Centro
CEP: 37910-000 -
Fone: (35) 3525-1020
email: sac@delfinopolis.mg.gov.br
www.delfinopolis.mg.gov.br

FONTE:http://www.delfinopolis.com.br/

Foto da antiga Ponte do SURUMBI

Balsa de acesso a Delfinópolis/Cássia




Casa antiga


Foto do asilo de São Vicente de Paula



ALGUMAS DE NOSSAS RARAS BELEZAS NATURAIS.
LINDOS LAGOS E CACHOEIRAS











































































2 comentários:

Roberto Correia Garcia disse...

Um lugar resplendido escolhido para nascer um anjo da estirpe do Gugu e ainda, ser morada de pais tão amorosos como os enviados para tomarem conta deste anjo> Delfinópolis esta de parabéns.

Anônimo disse...

Fabiana. Parabéns pela divulgação de nossa cidade no seu blog, Gostei muito!!!

Postar um comentário

FICAREI MUITO FELIZ SE DEIXAR UM COMENTÁRIO!

 
© Template Scrap Gabriel|desenho Templates e Acessórios| papeis Bel Vidotti